Todas As Notícias

O que é procrastinação e como combatê-la: dicas simples para aumentar a produtividade

O que é procrastinação e como combatê-la: dicas simples para aumentar a produtividade

A procrastinação é uma condição familiar a muitas pessoas, em que deixamos as coisas para depois. Esse comportamento improdutivo pode levar ao estresse, à redução da eficiência e a uma qualidade de vida inferior, por isso é importante aprender a lidar com ele. Mas o que realmente é procrastinação?

Muitas pessoas não percebem que a procrastinação é diferente da preguiça. Os procrastinadores geralmente querem concluir uma tarefa, mas não conseguem começar devido a vários fatores. A incapacidade de começar geralmente se deve ao medo de fracassar, ao perfeccionismo ou à falta de motivação. Quando nos deparamos com uma tarefa que evoca emoções negativas ou exige um esforço significativo, geralmente procuramos maneiras de nos distrair ou fazer algo mais agradável.

O que é procrastinação e como lidar com ela

O primeiro passo para superar a procrastinação é reconhecer o problema. Reconhecer que ela está afetando negativamente sua vida.

Identificar a causa da procrastinação. Analise suas emoções e pensamentos para entender quais fatores estão deixando você mais lento.

Causas comuns de procrastinação:

  • Medo do fracasso: o medo do fracasso ou de um resultado negativo pode nos levar a adiar uma tarefa para mais tarde.
  • Falta de motivação: se uma tarefa não despertar interesse suficiente, podemos adiá-la.
  • Perfeccionismo: a busca por um resultado perfeito pode levar à procrastinação porque tememos não atingir padrões elevados.
  • Falta de compreensão: sem uma compreensão clara do resultado que é exigido de nós, podemos procrastinar até termos certeza da ação.
  • Falta de propósito claro: se não tivermos uma meta ou visão clara, podemos perder a motivação.
  • Distrações: a presença de distrações, como mídia social, TV ou o barulho do ar-condicionado, pode nos distrair.
  • Falta de planejamento: um planejamento inadequado ou insuficiente dificulta saber em que se concentrar primeiro.

Depois de identificar a causa da procrastinação, desenvolva uma estratégia para combatê-la. É importante definir metas claras e específicas que o ajudarão a se organizar e agir.

Divida um projeto grande em subtarefas pequenas, compreensíveis e facilmente realizáveis. Crie uma lista detalhada de tarefas para que você tenha uma ideia clara do que precisa ser feito. Estabeleça prazos regulares e realistas e cumpra-os.

Encontre maneiras de se motivar que funcionem para você. Estabeleça pequenas recompensas pelo cumprimento das metas ou encontre um incentivo interno. Anote os pontos principais em um lugar de destaque para se lembrar deles.

Evite distrações. Encontre um horário e um local em que você possa se concentrar e trabalhar sem interrupções. Se você se distrai constantemente com as mídias sociais, tente excluir o aplicativo por um tempo, ativar um rastreador de tempo de tela ou criar uma conta separada apenas para tarefas de trabalho.

Você não deve se esquecer do descanso. Um dos maiores problemas dos procrastinadores é que eles não trabalham, mas também não descansam. A tensão nervosa constante leva à fadiga e ao esgotamento, o que aumenta o desejo de deixar as coisas para depois. O círculo se fecha, as coisas se acumulam e fica cada vez mais difícil começar a trabalhar.

O método do tomate

Muitas pessoas lutam contra a procrastinação com o método do tomate, cujo nome vem de um cronômetro em forma de tomate encontrado na cozinha do criador do método. O objetivo do método é dividir claramente seu tempo em períodos de trabalho e descanso. Durante o período de “trabalho”, você não deve se distrair; durante o “descanso”, deve descansar totalmente, sem pensar no trabalho. Os intervalos podem ser diferentes, mas recomendamos começar com a proporção de 25 minutos de trabalho para 5 minutos de descanso.

Muitas pessoas acham útil fazer um intervalo de descanso depois de concluir uma série de tarefas, em vez de usar um cronômetro. Uma lista de controle pode ajudar com isso – anote tudo o que precisa ser feito e não se esqueça dos intervalos.

Por fim, não tenha medo de cometer erros ou de não ser perfeito. A procrastinação geralmente está ligada ao perfeccionismo, portanto, é importante entender que ninguém é perfeito. Dê a si mesmo permissão para cometer erros e aprender com eles.

É importante lembrar que os sintomas da procrastinação podem ser superados. Tome consciência de sua procrastinação, desenvolva uma estratégia de enfrentamento e encontre sua motivação interior. Dessa forma, você poderá aumentar sua produtividade e atingir suas metas.

O rastreador de tarefas Mogu pode ajudá-lo com isso – é uma ótima maneira de manter tarefas, fazer listas de verificação e definir prazos. Não procrastine e registre-se agora!